Categorias
livros | books podcasts

4 podcasts sobre livros

Os últimos anos presentearam-nos com uma quantidade elevada de podcasts – é impossível acompanhar tudo, mesmo que só tentemos ouvir o que realmente nos interessa. No entanto, como apaixonada pela leitura que sou, atrevo-me a dizer que podcasts sobre livros nunca serão de mais, principalmente em português.

Tenho a sorte de contar com estes quatro (e quem conhecer mais que se acuse, faz favor!), que me fazem companhia frequentemente e me dão novas recomendações e visões da leitura que, de outra forma, não teria. Um aviso: se ao ler este post vos parecer que foi escrito por uma fangirl que sonha frequentemente ser o tipo de pessoa que é convidada para todos estes podcasts, não se assustem – é a mais pura das verdades.

Ponto Final, Parágrafo

O Ponto Final, Parágrafo, dinamizado pela Magda Cruz (repórter em construção e podcaster, segundo a própria), é um dos podcasts que ouço há mais tempo e de forma mais consistente. Segundo a descrição do Instagram, sabemos que “Quinzenalmente às quartas, Magda Cruz entrevista amantes da literatura na ESCS-FM e CCA“.

Com o Ponto Final, Parágrafo, a Magda criou uma comunidade de amantes da literatura que já vai muito para além do podcast e das suas entrevistas – conta com um clube de leitura mensal das obras de José Saramago, iniciado este ano; são também dinamizados lives ocasionais temáticos no Instagram (tive o privilégio de ler um poema no live do Dia da Poesia em 2021); com newsletters escritas pela própria; e até uma conta no Patreon com conteúdo extra e sorteios de livros.

Os convidados são variados, mas todos ligados à escrita e à literatura de alguma forma (já sabem que vou falar do Afonso Cruz, certo? Confesso que é dos meus episódios favoritos, surpreendendo um total de zero pessoas!). Trazem com eles uma pequena lista de livros, e a entrevista parte dos títulos para falar da vida, dos hábitos de leitura, das mais variadas opiniões e experiências.

Livra-te

O Livra-te, dinamizado por Rita da Nova e Joana da Silva, começou em outubro de 2021 e ocupa um lugar muito especial no meu coração e na minha semana. Sai semanalmente, às quartas-feiras, e é o podcast de sonho de todas as pessoas que, como eu, são viciadas em BookTube e BookTook (comunidades de livros do YouTube e to TikTok).

A Rita e a Joana são amigas, e eu gostava muito (muito!) de ser amiga delas também. Quem me conhece já sabe da minha admiração pela Rita, autora de um dos meus blogues favoritos, que sigo há anos. Quando descobri o blogue da Rita tinha poucos amigos que gostavam de ler, e sentia-me um pouco incompreendida nos meus hábitos de leitura – já lia maioritariamente em inglês, e passava horas agarrada a títulos de que em Portugal pouco se falava. Com a Rita encontrei muitas recomendações que encaixavam perfeitamente no que procurava, e já encontrei vários favoritos graças às suas reviews.

Tal como a Rita, gosto demasiado de livros que fazem chorar. Tal como a Joana, gosto demasiado de rom-coms e outros que tais, como evidenciado pelos 32 romances que li no ano passado. A cada episódio, a minha lista de Para Ler aumenta consideravelmente, principalmente agora que surgiu o Clube do Livra-te, em que todos os meses nos são sugeridos dois títulos em conjunto a ser discutidos no último episódio do mês. E têm até stickers no instagram! Uma das minhas coisas favoritas é a forma como todos os episódios começam: a Rita e a Joana partilham o livro que estão a ler no momento e, sendo eu uma pessoa muito cusca que adora saber o que os outros andam a ler, fico logo muito feliz.

Eu sei que depois disto tudo não parece, mas prometo que a minha obsessão pelo Livra-te e pelas suas incríveis podcasters é totalmente saudável. Se não acreditam, têm bom remédio – é ouvir, e prometo que vão ficar como eu (viciadas e mais pobres, que vão sair dali diretamente para a Fnac).

Vale a Pena

Descobri recentemente o Vale a Pena, dinamizado pela locutora, guionista e autora Mariana Alvim, e rapidamente devorei todos os episódios. Sai semanalmente, à terça-feira, e consiste em conversas com as mais variadas personalidades, algumas obviamente ligadas aos livros, como a autora Helena Magalhães, e outras com uma ligação menos óbvia, como o Carlão ou o Luís Franco Bastos.

Este podcast tem sido uma ótima companhia nas minhas deslocações , e é raro o episódio em que não acrescento novos livros à minha lista de para ler. Para além disso, conhecer os hábitos e gostos literários de personalidades que seguimos e admiramos, ou até que só conhecemos de nome, é das melhores formas de nos sentirmos mais próximos de alguém. Como se diz (ou devia dizer), as estantes de uma pessoa são a verdadeira porta para a sua essência.

PALAVRA podcast

O PALAVRA podcast, da autora Maria Isaac, apareceu-me recomendado pelo Spotify durante a minha maratona de episódios do Vale a Pena. Confesso que ainda não li nenhum dos seus livros, apesar de estarem na lista para este ano, mas tenho gostado muito de acompanhar o podcast.

Primeiro, o podcast tem uma das aberturas mais catchy de sempre: “Bem vindo ao Palavra! Aqui, as noites são literárias.”. Segundo, os episódios são curtinhos, perfeitos para ouvir enquanto tomo o meu café da manhã, e sempre sobre temas muito diferentes mas muito interessantes. Para além da rúbrica “O que aprendi com..”, que se debruça sobre vários autores, somos presenteados com ótimas reflexões que nos deixam a pensar sobre os nossos próprios hábitos de leitura. É-me impossível escolher um episódio favorito, e acho mesmo que todos valem a pena. Estou cada vez mais ansiosa por ler os seus livros para poder desbloquear todo o conteúdo relacionado que também está publicado na página do podcast.

E chegámos ao fim! Aqui ficam quatro sugestões de podcasts portugueses de literatura que eu acompanho regularmente. Como bónus final, recomendo este episódio do podcast 10.000 horas, do Público, em que Afonso Cruz fala sobre o que é preciso para se ser um bom escritor. E se alguém há de saber, é certamente ele. Espero que gostem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.